Rio de memórias

Nada me prende no solo que brotei, minha alma de flor, quer alcançar voo. online

inicio mensagem escritos moça memórias

“Sabe o que eu mais queria neste exato momento, estar tão pertinho de você que até nossa respiração se confundiria. Queria estar abrigada em teu colo a ponto de nos tornar um só. Queria sentir teus braços me envolver, ouvir apenas teu silencio reconfortante de saber que mesmo em instantes pequenos me faz sentir amada e segura. Queria estar descansando a cabeça no teu peito enquanto ouço você dizer me ama, apesar dos meus defeitos. Queria parar o tempo nesse exato momento, ah eu queria. Com você me sinto feliz, é como se no mundo só existisse nós dois. Você me faz querer ser mais, você me acalma, me traz paz. Você modificou o sentindo da minha vida sem se dar conta do seu poder, brilhou tão inesperadamente que teu reflexo me fez viver. Vem meu amor, que com você minha realidade se faz maior, vem amanhecer ao meu redor. Vem caminhar de mãos dadas comigo em uma tarde de domingo, vem sem medo de ficar. Juro te amar, te cuidar. Juro ser pra você teu maior segredo vivo.”

Meu doce amor. 

“Me procuro em letras de músicas que falam sobre o que estou sentindo, que me faz sentir de uma forma que ainda existe alguma coisa que ainda me entende.”

Beatriz Nepomuceno. 

“Com o tempo, você vai percebendo as verdadeiras coisas que precisam ser valorizadas, as pessoas, os objetos, até mesmo aqueles pequenos detalhes. Com o tempo a gente cresce, vai amadurecendo, mais sei que lá no fundo do seu coração você é uma criança, seu físico pode até ficar velho, mais sei que lá no fundo você é uma verdadeira criança. E quando tu amadurece de “verdade” você começa ver as pessoas de outra forma. Com o tempo a gente ver as coisas de outro jeito percebe-se que se levam anos para se construir confiança e apenas segundos para destruí-la. Portanto… plante seu jardim não chame as borboletas, pois o jardim delas realmente se for você, elas voltam para você, simples.”

Beatriz Nepomuceno. 

“Não é o que os outros pensam, o importante é o que você pensa de si mesma.”

Beatriz Nepomuceno. 

“Mas o amor, o amor mesmo, o amor maduro, o amor bonito, o amor real, o amor sereno, o amor de verdade não é montanha-russa, não é perseguição, não é telefone desligado na cara, não é uma noite, não é espera. O amor é chegada. É encontro. É dia e noite. É dormir de conchinha. É acordar e fazer um carinho de bom dia.”

Clarissa Corrêa. 

“Abri os olhos e pensei “estou com ele”. Nunca tinha parado para pensar sobre o quanto isso importa: estar. É no presente, meu Deus! E espero que se estenda até o futuro. Mesmo que, de vez em quando, a gente canse de correr, canse de tentar e canse de se importar, a gente não cansa de estar. Nunca, nunquinha me peguei querendo-o distante. As vezes me bate um cansaço, uma preguiça danada de continuar, mas eu penso que não posso ser sem ele. Não posso. Ele é o meu ser, meu estar, meu querer, bem-querer. Eu poderia percorrer o mundo e, ainda assim, ele seria meu amar. Ele é todo o meu verbo conjugado no passado, no presente e no futuro. Meu sonhar, meu viver, meu sorrir. Às vezes meu chorar, meu doer e meu cair. Mas, depois, ele chega sem palavra alguma, verbo algum, sem pausas e acentos, só no silêncio… e me ganha inteira com o olhar. Num instante vira o meu perdoar. Ele é o meu viver quando me pega pela mão, meu morrer quando me tira o fôlego, meu calar quando me fala baixinho ao pé do ouvido, meu gritar quando me puxa pela cintura de repente. Ele é a minha vida…e olha que isso nem é verbo.”

rio-doce

“Me encontre aqui, e fale pra mim. Eu quero te sentir, eu preciso te ouvir. Você é a luz que está me guiando para o lugar onde encontrarei paz… Novamente você é a força que me mantém caminhando, você é a esperança que me mantém confiante, você é a vida para a minha alma, você é meu propósito, você é tudo. E como posso ficar aqui, e não ser comovido por você? Você poderia me dizer como pode ficar melhor do que isso? Você acalma as tempestades e me dá repouso, me segura em suas mãos, não vai me deixar cair, você roubou meu coração e me deixou sem fôlego, vai me receber? Vai me atrair mais agora? Pois você é tudo que quero, você é tudo que preciso, você é tudo, tudo. Você é tudo que quero.”

Lifehouse. 

Ela é engraçadinha, pensei, mas você não precisa gostar de uma garota que o trata como se tivesse 10 anos de idade: você já tem uma mãe.

Quem é você, Alasca?